AMPARO LEGAL

Amparo legal para este blog: Constituição Federal
Art. 1º. A República Federativa do Brasil, foramada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:
...
Art. 5º. Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
...
VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política...;
...
IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independente de censura ou licença;
Art. 220 - A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo nao sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
§ 2º. - é vetada toda e qualquer censura de natureza política ideológica e artística.
Sem espaço no mídia para divulgar os trabalhos realizados pelas Guardas Municipais do Brasil, este blog é mais uma ferramenta aliada para ampliar as ações cotidianas desta força policial que atua na segurança pública municipal.
GUARDA MUNICIPAL, órgão do poder público, legalmente investido no cargo, capacitados e treinados para cumprir as missões que lhes competem, com atribuição policial, fiscaliza, vigia, guarda, com sua presença (fardada) de caráter preventivo promove ações de segurança pública municipal, investido do poder de polícia da administração pública.

GUARDA MUNICIPAL, JUNTOS SOMOS MAIS QUE VENCEDORES!
GUARDA CIDADÃ - DESDE 1985 -PROTEGE, ORIENTA E AUXILIA -
ATENDE PELO TELEFONE (15) 3262.3244, 3262.1118 e 199 (Defesa Civil) 24 HORAS
Endereço para correspondência: Praça Duque de Caxias, 32 Centro - Cep: 18540000
e-mail: guarda.subinspetor@portofeliz.sp.gov.br
MEU CONTATO É: yvetegon@hotmail.com

Telefones de emergência
100- Violação dos Direitos da Criança e do Adolescente (Nacional)
180- Delegacia Eepecializada do Atendimento à mulher
181- Disque denuncia
190 - Polícia Militar
193 - Bombeiros
194 - Polícia Federal
197 - Polícia Civil
199 - Guarda Civil Municipal e Defesa Civil (Porto Feliz)

A farda não é uma veste que se despe com facilidade ou até com indiferença, mas uma outra pele que adere a própria alma, irreversivelmente para sempre. (desconheço o autor)

Ao homem que teme ao Senhor, ele o instruirá no caminho que deve escolher (Salmos 25/12)

Este blog está no ar desde 27/06/2011
Parou em 20/12/2015 por motivos politicos


Não serão públicados comentários no anonimato em cumprimento ao Art. 5 - IV É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. C.F.





sábado, 24 de outubro de 2015

TERESINA/PI - Exército autoriza uso de armas para a Guarda Municipal de Teresina (PI) aprovados em concurso


A Coordenação do Grupo de Defesa Social de Teresina confirmou a aprovação do exército sobre a utilização de armas pela Guarda Municipal. Outro fator importante é a aprovação do crédito institucional em tempo recorde de seis meses.

O projeto poderia ter sido executado em até dois anos. “Nós sabemos que o usos do armamento da Guarda Municipal é uma realidade. Então dentro do nosso planejamento nós pautamos a Guarda Municipal de Teresina com o desejo de equipar com armamento, o calibre permitido é o 38 com capacidade de 16 munições. Então passamos agora a buscar o direito da prefeitura de Teresina ter acesso a esse armamento”, disse Samuel Silveira, secretário de defesa social de Teresina. 

O edital do concurso da Guarda Municipal já foi publicado. A primeira etapa de um total de cinco será realizada no dia 08 de novembro, serão 100 vagas iniciais.

fonte: http://amigosdaguardacivil.blogspot.com.br/2015/10/exercito-autoriza-uso-de-armas-para.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+AmigosDaGuardaCivil+(AMIGOS+DA+GUARDA+CIVIL)

SÃO CAETANO DO SUL/SP - Roubos de veículos despencam 63,8 % em São Caetano com o programa Cidade Segura

Ampliação e renovação da frota da GCM aumentou o patrulhamentos na cidade Alexandre Yort / PMSCS

Os principais desafios das forças de Segurança em São Caetano do Sul registram constantes e vertiginosas quedas desde que o prefeito Paulo Pinheiro lançou o Programa Cidade Segura (ousado pacote de 16 ações no setor), em abril de 2014. Na comparação de setembro de 2013 (antes das iniciativas entrarem em vigor) com o mesmo mês deste ano, os roubos de veículos despencaram 63,8% (de 80 para 29 casos). Os furtos de veículos também recuaram para menos da metade: 55,3% (de 67 para 30). Os números são da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

O levantamento do órgão estadual mostra ainda que todos os crimes contra o patrimônio caíram em São Caetano no período. Além das ocorrências envolvendo veículos, os roubos de outros bens ou pertences diminuíram 17,8% (de 118 casos 97) e os furtos retraíram de 136 para 133.

Na comparação de setembro de 2015 com o mesmo mês de 2014 (quando o Programa Cidade Segura ainda estava em fase de consolidação), também há queda em todos os índices. O furto de veículos despencou 53,9% (de 65 casos para 30); o roubo de veículos recuou 29,5% (de 36 para 29); o furto de outros bens ou pertences retraiu 26,5% (de 186 para 133) e o roubo teve variação negativa de 4% (de 101 para 97).

“Os números comprovam o que já sentimos nas ruas. Com planejamento, programas estratégicos e coragem, conseguimos reduzir consideravelmente a violência em São Caetano”, afirma Paulo Pinheiro, ao considerar o Cidade Segura um divisor de águas no setor. “Mas não descansaremos enquanto não reduzirmos ainda mais estes índices.”

Em 2012, 30% da população apontou a Segurança como o maior problema de São Caetano do Sul. Agora a realidade é outra. Com a ousadia, coragem e inovação inseridas no Programa Cidade Segura, a Prefeitura assumiu o protagonismo no combate ao crime, apesar de esta ser uma responsabilidade constitucional do Estado.

O Cidade Segura concentra o maior pacote de investimentos da história da cidade na Segurança. São obras, aparelhamento e execução de programas estratégicos. Uma engrenagem formada para combater os criminosos de forma enérgica e proteger os moradores de São Caetano de forma integral.

Entre os 16 itens estão a ampliação dos efetivos da Guarda Civil Municipal (GCM) e da Polícia Militar. Neles a Prefeitura paga para que guardas e policiais atuem em dias de folga, respectivamente. Outro destaque é a renovação e ampliação da frota da GCM, que em agosto passou de 37 viaturas com pelo menos cinco anos de uso para 50 zero-quilômetro.

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

ARACAJU/SE - Guarda municipal ministra aulas em curso de formação da Polícia Civil


O supervisor da Guarda Municipal de Aracaju (GMA) Acrenaldo Cardoso foi um dos instrutores da disciplina Balística ministrada no curso de formação para Agentes de Polícia Judiciária Substituto e Escrivão Substituto da Polícia Civil de Sergipe.
Mais de 120 alunos do curso de formação foram atendidos pelo supervisor da GMA em dois dias de aulas. “Me senti honrado com o convite de ministrar as aulas para os alunos de tão conceituada instituição, como é a Polícia Civil do estado de Sergipe. Estive ao lado de peritos como Nailson, Paula, que é representante da Força Nacional, Nestor, um dos mais importantes peritos do estado e do delegado Frederico Muricy”, declara Acrenaldo.
O convite partiu do diretor da Academia de Polícia Civil de Sergipe, Jocélio Franca Fróes, sendo prontamente atendido pelo comando da GMA. “Esse convite mostra o estreitamento entre as instituições de segurança pública que atuam no estado, mostra também que a GMA tem em seu quadro profissionais qualificados a instruírem não apenas guardas em formação, mas também futuros agentes e escrivães da Polícia Civil”, afirma.
Sobre o curso de formação
O Curso de Formação é a terceira etapa do Concurso Público. Trata-se de uma fase eliminatória e classificatória e os candidatos que participarem adquirirão uma grande bagagem de conhecimento.
Para o curso foram convocados cinco vezes o número de vagas disponíveis no certame, ou seja, 100 pessoas para escrivão e 500 para agente de polícia. O curso terá 360h/aula e tem como objetivo preparar os candidatos a se tornarem policiais capacitados a elucidar crimes.
 
fonte: http://amigosdaguardacivil.blogspot.com.br/2015/10/guarda-municipal-de-aracaju-se-ministra.html?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+AmigosDaGuardaCivil+%28AMIGOS+DA+GUARDA+CIVIL%29
 

terça-feira, 13 de outubro de 2015

PORTO FELIZ/SP - ROMU prende em flagrante dois individuos de saídinha do Dias das Crianças


32 porções de maconha e 228 gramas de em pedaço de maconha, ROMU prendeu em flagrante dois indivíduos - Foto arquivo GCM

 Por volta das 15h00 denuncia anônima relatava que atrás do Centro de Progressão Penitenciária de Porto Feliz havia três indivíduo que estariam embalando drogas, a ROMU composta pelos GCMs Damasceno, Claudemir e Silva, em diligência  no local dos fatos avistaram os três indivíduos, ao avistar a viatura um deles empreendeu fuga, Alexandre e Adriano que estavam de saída temporária do Dia das Crianças não resistiram a prisão em flagrante, com eles foram localizados 32 porções de maconha devidamente separadas e embaladas para comercialização e mais dois pedaços de maconha totalizando 228 gramas da droga, conduzidos ao plantão policial onde a autoridade ratificou a prisão em flagrante dos dois indivíduos.  



foto arquivo GCM


sábado, 10 de outubro de 2015

SOROCABA/SP - GCM de Sorocaba terá academia para formação e especialização dos seus policiais

O 1º curso de Aperfeiçoamento para Inspetores marcou o início da implantação de uma academia de formação, capacitação e especialização da Guarda Civil Municipal (GCM) que abrangerá a Região Metropolitana de Sorocaba (RMS). As aulas serão aplicadas entre março a dezembro, na sede do Comando Geral da GCM de Sorocaba. O curso de 300 horas/aulas, por meio de aulas presenciais, ciclos de palestras e pesquisa está com inscrições abertas a oficiais inspetores das corporações das 19 cidades que possuem Guarda Civil, informa o comandante da GCM de Sorocaba, Benedito da Silva Zanin. "Já houve interesse da maioria dos municípios convidados." O presidente da Associação da GCM local, Celso Ferraz de Oliveira, elogia a iniciativa e espera melhorias para a corporação que, a partir de então, "passa a ganhar maior visibilidade".

A implantação de uma academia é um anseio da categoria, tendo sido um dos assuntos em destaque no Encontro de GCMs da RMS, na Prefeitura de Sorocaba. O comandante Zanin informa que existem várias academias metropolitanas, como em São Paulo, Campinas, Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ), entre outras. O encontro foi realizado dia 23 de janeiro, com o intuito de discutir propostas de trabalhos e melhorias para a categoria, no que diz respeito a direitos civis e formação. A RMS abrange 26 cidades, das quais 19 possuem Guarda Civil: 17 delas marcaram presença. 

Modelo operacional

A importância das GCMs se unirem em torno de propostas que fortaleçam a categoria, especialmente no tocante à seleção e capacitação das tropas, foi salientado pelo prefeito Antonio Carlos Pannunzio, que é o presidente do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana. O comandante Zanin conta que em 2013, o serviço prestado em Sorocaba foi considerado modelo operacional e referência nacional na integração das forças de segurança pelo Conselho Nacional das Guardas Municipais, durante o 13º Congresso Nacional das Guardas Municipais, em Recife (PE). Esse reconhecimento, acrescenta, serviu de inspiração para a criação da academia.
Até novembro, 45 guardas receberão formação e especialização em diversas áreas do serviço prestado. O curso será ministrado por instrutores da GCM de Sorocaba e por parceiros que atuam na docência de Segurança. O encontro de comandantes ainda resultou em demandas específicas à deputada estadual Maria Lúcia Amary e ao deputado federal Vitor Lippi. Para ambos foi solicitada a destinação de recursos para a instalação da academia de formação, capacitação e especialização das guardas civis.

O presidente da associação que representa a categoria no município, Celso Ferraz, explica que a corporação oferece curso obrigatório de capacitação de qualidade. Ferraz acredita que a partir de agora a corporação - formada por cerca de 400 guardas - deve ganhar mais visibilidade, no entanto, "é preciso melhorias como a aquisição de uniformes, coletes, armas e viaturas". Ferraz afirma que não basta ser referência. "É preciso ter condições. Tem guarda trabalhando com coturno furado", denuncia. Celso Ferraz ainda cita uma licitação em andamento para a compra de viaturas, mas atrasada por conta de recursos. 

Equipamentos

A GCM esclarece, por meio da Secretaria de Comunicação (Secom), que realiza planejamentos, tanto com relação à execução dos cursos de formação, capacitação e aperfeiçoamento que estão em andamento, quanto com os demais cursos programados para o decorrer deste ano. Inclusive, "a implantação da academia metropolitana é fruto deste empenho". Em relação à logística de aquisição de materiais, a GCM informa que com o Programa "Crack é Possível Vencer!" obteve 4 viaturas modelo VW/Voyage, 4 motos Honda XRE 250, 2 ônibus equipados com câmeras e vídeomonitoramento, além de equipamentos de menor potencial ofensivo (100 armas de condutividade elétrica, 300 sprays e espuma de pimenta), através de um convênio da Prefeitura com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

De acordo com a GCM, os uniformes estão com previsão de entrega para a segunda quinzena de fevereiro. Além disso, o aluguel de 3 viaturas Toyota/Hilux e 20 viaturas Toyota/Etios está em fase final de licitação.

Arnaldo Faria de Sá diz que ‘ciclo completo de polícia’ vai gerar confusão na segurança pública

07/10/15 - O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) manifestou-se contra a proposta que amplia a competência da Polícia Militar (PM), dando-lhe poderes de investigação, como ocorre com as polícias Civil e Federal, classificadas como polícias judiciárias. A principal função da polícia judiciária é apurar as infrações penais e a autoria desses crimes.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 431/14, em análise na Câmara, prevê que a PM terá competência para realizar o “ciclo completo de polícia”, durante a persecução (perseguição) penal, além das atribuições de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública, já definidas pela Constituição.

“Isso vai acabar gerando mais confusão. O sistema atual já não é bom, mas, se a PEC for aprovada, vai piorar. Hoje existe uma estrutura mínima: a Polícia Militar realiza o policiamento ostensivo e leva para as delegacias os casos de flagrante; na delegacia, é feita a ocorrência do flagrante pela Polícia Civil e o inquérito é aberto. Depois, o resultado do inquérito é apresentado ao Ministério Público, que faz a denúncia à Justiça.


A partir do momento em que qualquer polícia pode fazer tudo, vai acabar que todas vão fazer nada”, previu Arnaldo Faria de Sá. A PEC está sendo analisada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Se aprovada, ainda terá de ser votada em dois turnos no plenário da Câmara e, depois, no Senado.

Da Agência Trabalhista de Notícias (FM), com informações da assessoria da Liderança do PTB na Câmara dos Deputados. [Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados] Fonte: Blog do Delegado


sexta-feira, 9 de outubro de 2015

JUNDIAI/SP - Guardas Municipais de Jundiaí (aposentados) ganham ‘Identidade Funcional de Inativo’

A edição desta quarta-feira (7) da Imprensa Oficial do Município de Jundiaí traz publicada na página 16 a portaria 29, de 1º de outubro de 2015, assinada pelo comandante da Guarda Municipal, José Roberto Ferraz, que garante ao guarda municipal aposentado a “Carteira de Identidade Funcional dos Inativos”.

A criação do documento era uma antiga reivindicação dos GMs e vai atender todo efetivo que já prestou serviço à corporação, independentemente da época de atuação.
Comandante Ferraz diz que portaria é o reconhecido dos serviços prestados pelos GMs aposentados

Comandante Ferraz diz que portaria é o reconhecido dos serviços prestados pelos GMs aposentados

“É uma forma de reconhecimento a todos que fizeram parte e dedicaram 30 anos de suas vidas à Guarda Municipal. Quem fez carreira e se aposentou não é um ex-GM e sim um GM aposentado, com todos os méritos”, comenta Ferraz.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal, a “Identidade Funcional do Inativo” eterniza o aposentado como GM. O documento segue as mesmas características de credenciais usadas por policiais militares e civis que se aposentaram.

Ferraz ainda enfatizou que o documento tem caráter institucional e traz informações pessoais do guarda, além do status do cargo que exercia quando de sua aposentadoria. Para obter a carteirinha é só fazer a solicitação.


Após ataque a sentinela da GCM de Santo André, comando da corporação emite nota destacando a continuidade das operações de combate a criminalidade


"Em decorrência das inúmeras ações exitosas desta Corporação que culminaram com diversas prisões e apreensões nos últimos meses, elementos alheios ao convívio e à margem Lei desferiram um ataque covarde contra a sentinela da 1° Inspetoria e Sede do Comando. 





A genuína essência da Liderança!




"A Hierarquia representa uma cadeia de comando, com base nas relações entre superiores e dependentes."

Este é mais um motivo para a continuidade das operações que nossa Corporação vem realizando. Desta forma, fica todo  efetivo orientado a manter suas rotinas operacionais com cautela e atenção, sem esmorecer com mesmo ímpeto de trabalhar em prol da população andreense. Ao ensejo, protestos de elevada estima e consideração. Santo André, 07 de outubro de 2015".

Rogério Durante - Comandante da Guarda Civil Municipal de Santo André - SP, em comunicado ao efetivo sobre ataque ocorrido na última semana. 

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

SÃO PAULO/SP - Bafômetro poderá ser usado por guardas civis para flagrar motoristas


A Prefeitura de São Paulo quer colocar nas ruas da capital ao menos dois mil homens da Guarda Civil Metropolitana (GCM) equipados com bafômetros para fiscalizar, multar e apreender motoristas que dirigem alcoolizados.

Esse número pode chegar a quatro mil guardas, que serão capacitados para atuar no trânsito. A GCM poderá, inclusive, montar as suas próprias blitze. O prefeito Fernando Haddad (PT) enviou uma minuta ao governo do Estado para elaborar convênio com a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Caso haja o entendimento com a gestão Geraldo Alckmin (PSDB), a Prefeitura quer começar o trabalho com os "campeões de infração" para dar o exemplo aos demais motoristas irregulares. Metade das infrações de trânsito é cometida por 5% dos condutores em São Paulo, que representam 300 mil. O primeiro alvo da Prefeitura são os condutores que lideram as infrações, com pelo menos 100 multas em aberto, entre desrespeito ao rodízio, ao limite de velocidade e aos locais de estacionamento proibido.

"Acho indigno que um motorista com 200, 300 multas em aberto, com o carro não licenciado, continue atuando na cidade como se nada acontecesse. Os exemplos precisam ser coibidos e inclusive mostrados", afirmou Haddad.

A decisão da Prefeitura surge após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter decidido, em agosto deste ano, que os guardas civis podem aplicar multas de trânsito caso os órgãos públicos concordem em celebrar convênios para autorizar o trabalho.

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) disser ser "a favor de iniciativas que ampliem a fiscalização". Nesta terça-feira, 22, o secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, disse que embora o Detran seja favorável, a SSP também precisa autorizar. "Mandamos a minuta (do convênio) e, enquanto isso, estamos fazendo reuniões com a Polícia Militar para fazer esse serviço de tentar algumas apreensões na via, de documentação irregular, de tudo".

Procuradas nesta terça-feira, 22, a SSP e a Polícia Militar não comentaram e não responderam às perguntas feitas pela reportagem.

Guarda civil

Segundo Gilson Pereira de Menezes, comandante da GCM, o convênio com o Detran está prestes a se firmar. Ele não soube precisar a data, mas adiantou que deve ser nas próximas semanas. "A Guarda Civil vai poder fazer a verificação do estado de conservação do veículo e da documentação do condutor, e também vai poder utilizar o etilômetro", disse Menezes.

O comandante afirmou que o trabalho da GCM poderá ser feito isoladamente ou em parceria com a Polícia Militar. "De sexta à noite a domingo, são vários acidentes por conta do uso de álcool. Queremos colaborar com o Estado para reduzir o número de acidentes e coibir motoristas alcoolizados", explicou.

Pelo menos dois mil guardas civis vão se capacitar para fiscalizar e apreender veículos. Esse número pode chegar a quatro mil. Menezes explicou que está é uma iniciativa inédita na GCM e no Estado de São Paulo. O comandante descartou a necessidade de contratação de mais guardas civis para a ação.

Hoje, a Guarda Civil Metropolitana atua com radares pistola na fiscalização da velocidade de motociclistas nas Marginais Pinheiros e Tietê. O convênio entre a Companhia de Engenharia do Tráfego (CET) e a GCM foi firmado em janeiro deste ano, o que já permite à Guarda, em âmbito municipal, a aplicação de autuações e o uso dos radares pistola.
fonte: http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/brasil/2015/09/23/interna_brasil,599693/bafometro-podera-ser-usado-por-guardas-civis-para-flagrar-motoristas.shtml

MOSSORO - Rede municipal de ensino ganha BIC Escolar - ROPE

Mossoró ganhou na manhã desta última terça-feira, 29, a sua sexta Base Integrada Cidadã (BIC), implantada a partir da Ronda Preventiva Escolar (ROPE), em parceria entre as secretarias municipais de Segurança Pública e Defesa Civil e Educação. A implantação da BIC Escolar foi oficializada pelo prefeito Francisco José Júnior, em solenidade na Unidade de Educação Infantil (UEI) Lindalva Oliveira Dias Castro, no bairro Barrocas.

“Segurança é prioridade na nossa gestão e esse projeto é reflexo dos investimentos que a administração vem promovendo no setor. Essa parceria entre Guarda Civil e comunidade escolar proporcionará excelentes resultados, tanto no que se refere ao patrulhamento preventivo, quanto nas ações pedagógicas, com palestras, campanhas educativas, e ainda realizando atividades físicas com os alunos”, destacou o prefeito José Júnior. 

Durante a solenidade de implantação da BIC Escolar, foram entregues as duas viaturas que realizarão o patrulhamento na rede municipal de ensino e apresentada a equipe que coordenará a ROPE. A iniciativa da Prefeitura de Mossoró recebeu elogios de pais de alunos que estavam presentes no evento. “Gosto muito da metodologia de ensino aqui da UEI, meu filho tem aprendido muito, e agora, com mais segurança, fico ainda mais feliz em ter matriculado ele nessa unidade”, comentou Josenildo da Silva.




Entre as atribuições da ROPE, destacam-se o patrulhamento na rede municipal e a prevenção da ordem local, garantindo segurança física das instalações e a segurança pessoal dos funcionários e alunos; fiscalização do comércio de alimentos e outras mercadorias nos entornos das escolas; promoção de campanhas de combate às drogas e o exercício da cidadania trabalhando direitos e obrigações.



“Com o processo de reestruturação implantado pelo prefeito Francisco José Júnior na Guarda Civil, estamos conseguindo avançar ainda mais, concretizando projetos como a BIC Escolar. Com o investimento do Município, a Guarda saltou de 180 para quase 30 agentes, de duas para 10 viaturas. Mossoró contava com apenas uma BIC, agora são seis. São muitos os avanços e a sociedade já está usufruindo dessas melhorias”, afirmou o secretário de Segurança Pública e Defesa Civil, Alvibá Gomes.



A secretária municipal da Educação, Iêda Chaves, enfatiza que o Ronda Preventiva aproximará as forças de segurança da comunidade escolar. “Muito mais do que patrulhar as escolas e UEIs, o projeto possibilitará uma integração entre a Guarda e os alunos, pais, professores, toda a comunidade, o que mostra a decisão acertada do prefeito em ampliar os investimentos tanto em segurança quanto em educação”, conclui.

A solenidade de implantação da BIC Escolar foi prestigiada por secretários municipais, representantes da Polícia Militar e pelo vereador Ricardo de Dodoca, além de pais e moradores da comunidade
SECOM

fonte: http://www.guardacivilmossoro.com.br/2015/09/rede-municipal-de-ensino-ganha-bic.html#axzz3nKYiFLia

Aqui não, ladrão: vizinhos criam patrulha contra assaltos em bairro de Campo Grande

Cansados da falta de segurança, moradores usam placas para 'intimidar'
“Aqui não, ladrão: vizinhos unidos”. Se preferir tem outra: “Vizinhos em alerta: união e paz. Área vigiada pela comunidade. Qualquer atitude suspeita a polícia será acionada imediatamente”. Através de placas para intimidar e da união, moradores de bairro de Campo Grande solucionaram o problema de falta de segurança.
Acostumados com a tranquilidade, os moradores foram vítimas de onda de assaltos e roubos. A polícia, a Guarda Civil Municipal e guardinha passando de moto à noite não foram suficientes para devolver a paz aos moradores. “Trinta anos que moro aqui, nunca foi assim. Depois que assaltaram a casa da minha filha ela resolveu tomar uma providência”, conta idoso.
Aqui não
Assaltada no ano passado, a idealizadora do grupo conta que a união dos vizinhos foi o carro chefe para a ideia sair do papel. “Procuramos os vizinhos, criamos um grupo no WhatsApp e fizemos as placas para todos colocarem na frente das casas”.
De julho para cá, são mais de 15 casas com a placa. A intimidação funcionou: nenhuma das residências foi assaltada ou furtada desde então. “Estamos ligados. Quando um sai, avisa. Todos concordaram que um ia cuidar literalmente da vida do outro”, destaca.
A idealizadora garante que os vizinhos se divertem em meio à preocupação. “É um grupo dinâmico, divertido. Trouxe o sossego de volta e a gente dá risada, brinca. No fim serviu também para os vizinhos se conhecerem melhor, para nos aproximarmos”, observa.
Segundo relato dos moradores, desde que as placas tomaram conta das casas a polícia passou a fazer rondas na região e os ladrões deixaram de tentar furtos ou assaltos. “A coisa mudou. Muitas casas também têm câmeras então não picham mais, usuário de droga não fica mais na frente das casas, dificultamos o máximo que conseguimos”, conta morador.
Vizinhos em alerta
A efetividade do “Aqui não, ladrão: vizinhos unidos” chamou a atenção e mais placas estão sendo feitas a pedido de moradores. No mesmo bairro há outra placa figurando em vários portões: “Vizinhos em alerta: união e paz. Área vigiada pela comunidade. Qualquer atitude suspeita a polícia será acionada imediatamente”.
A história é praticamente idêntica. “Uma vizinha nossa comprou e mobiliou uma casa e foi viajar. Quando ela voltou, tinham levado todos os móveis. Ai em abril ela resolveu fazer a placa e avisou a gente. Tem um monte neste quarteirão e em outros”, relata moradora.
Assim como o “Aqui não, ladrão”, as placas surtiram o efeito desejado: nenhuma casa foi roubada ou assaltada. “Deixa o bandido com medo, ele desiste. Trouxe o sossego de volta”.
(Os entrevistados e o bairro não foram identificados por questões de segurança)
fonte: http://www.midiamax.com.br/cotidiano/aqui-nao-ladrao-vizinhos-se-unem-se-proteger-evitar-assaltos-campo-grande-275693

Oi fecha parceria com Google e lança solução para gestão de ocorrências


Com isso, é possível realizar atendimento de ocorrências e envio de equipes de campo inclusive com geolocalização 

Oi anunciou nessa quarta-feira (30/9) uma parceria com oGoogle que resultou no desenvolvimento de uma solução para gestão de ocorrênciasO principal objetivo é atender o Centro Integrado de Operações, reduzindo o tempo de atendimento de ocorrências de serviços diversos, emergenciais ou programados.

O serviço é voltado para empresas públicas e privadas, envolvidas no atendimento direto à demanda da população nos municípios, como por exemplo a Guarda Civil Municipal, a Polícia Civil ou Militar, a Defesa Civil, a Secretaria da Segurança Pública, o SAMU, o Corpo de Bombeiros, Cia. Elétricas, Cia. de Água e Esgoto,  Cia. de Gás e  Cia. de Iluminação Pública.

A solução é um software como serviço (SaaS) e permite realizar o atendimento de ocorrências e o envio de equipes de campo, inclusive com geolocalização. A interface gráfica da solução está integrada com o Google Maps API, permitindo a visualização de imagens de satélite e da ferramenta Street View.
 
Para o diretor de soluções de TI para o mercado corporativo da Oi, Roni Wajnberg, o novo produto vai gerar maior rapidez e economia para o setor. “A agilidade e controle oferecidos pela solução vai, não só aumentar a qualidade do atendimento à população, mas também otimizar a utilização dos recursos tecnológicos disponíveis”.
 
A solução ainda permite a gestão das equipes de campo, controle de cerca eletrônica sobre o mapa, painel com indicadores das operações em campo, monitoramento da ronda, relatórios geoespaciais com identificação das áreas com grande concentração de ocorrências para o planejamento da operação, geração de estatísticas e relatórios, além do compartilhamento de dados entre gestores, operações e equipes de campo. Tudo isso em um único portal de acesso.
 
A estratégia da Oi é continuar apostando na venda de comunicação de dados e de TI para o setor B2B, que vem registrando crescimento anual de mais de 20% no segmento, praticamente duas vezes superior ao crescimento do mercado. Para atender ao mercado de empresas, além das soluções de TI, a Oi oferece um portfólio convergente que engloba também serviços tradicionais em telecom, como mobilidade, dados e voz fixa.
fonte: http://itforum365.com.br/noticias/detalhe/117209/oi-fecha-parceria-com-google-e-lanca-solucao-para-gestao-de-ocorrencias


Polícia Civil, Militar e Guarda Civil Municipal juntas em megaoperação

Desde a sexta-feira, 25 de setembro, tem sido comum ver viaturas das Polícias Civil, Militar e Guarda Civil Municipal andarem juntas por todos os cantos da cidade. Tal movimentação se deve a uma megaoperação feita em conjunto pelas forças policiais para coibir o crime em São Manuel.
Na sexta-feira, sabe-se que seis pessoas foram detidas e três presas por tráfico de drogas, sendo as prisões na vila São Geraldo, Santa Mônica e Cohab I e II.
Já na manhã da segunda-feira, 28, a foram cumpridos vários mandados de busca e apreensão; A operação deslocou até o centro a onde um empresário foi detido na rua Batista Martins, com ele foi localizado R$ 9 mil reais em dinheiro e um revolver calibre 38 e trinta e oito munições.
Segundo o empresário o dinheiro é do movimento da loja, o dinheiro ficou apreendido, o revolver estava com o registro vencido. Na delegacia o empresário pagou uma fiança no valor de R$ 10 mil reais e foi liberado. Um homem de 26 anos suspeito foi preso no centro de São Manuel na Rua Moraes Gordo com maconha.
RESULTADOS:

– 07 autos de prisão em flagrante;
– 07 presos;
– 01 pessoa capturada para a justiça;
– 02 armas de fogo apreendidas;
– diversas pessoas abordadas; 
– diversas pesquisas de placas de veículos e motocicletas;
– pesquisas de antecedentes criminais; 
fonte: http://www.area14.com.br/policia-civil-militar-e-guarda-civil-municipal-juntas-em-megaoperacao/

SANTO ANDRÉ/SP - GCM tem mulher no subcomando

Desde criança, quando brincava de polícia e ladrão, Vilma da Silva Tavares, 43 anos, sonhava em trabalhar com Segurança pública. Hoje ela é a primeira mulher que exerce o cargo de subcomandante da GCM (Guarda Civil Municipal) de Santo André.
Ela, que entrou na corporação em 1990 com a segunda turma de mulheres, tem como principal batalha o ingresso delas na GCM. Atualmente são 617 guardas-civis, sendo que apenas 109 são do sexo feminino. “Meu sonho é que cada viatura opere com um homem e uma mulher. Na minha visão é o ideal, porque é importante para o atendimento de ocorrências. Tenho o desejo de ver o número de guardas aumentar e que elas atuem cada vez mais no campo operacional”, afirmou.
Para chegar até o cargo atual, Vilma não mediu esforços. Além de ser uma das poucas mulheres da corporação, ela também está entre as três que operam em motocicletas e são professoras instrutoras de tiro do Método Giraldi. Tem formação acadêmica em Gestão em Segurança Pública e 38 cursos pela Senasp (Secretaria Nacional de Segurança Pública), entre eles Mediação de Conflitos, Direitos Humanos e Uso Diferenciado da Força. Ela também é instrutora de armamento e tiro formada pela Polícia Civil.
Mesmo com extenso currículo conquistado na corporação e enorme paixão pelo que faz, o início da carreira não foi fácil para Vilma. Segundo ela, o caminho era mais longo para as mulheres. “Foi uma conquista diária. A gente teve algumas dificuldades de relacionamento com os guardas. Às vezes eles ficavam incomodados com a gente. Até mesmo a questão do uniforme era bem diferente, uma saia calça e um chapéu mais arredondado.”
Hoje, segundo ela, a situação é diferente, mesmo com o número pequeno de mulheres na corporação. “Atualmente temos patrulheiras, o que antes era muito difícil de se ver. Já representa um grande avanço”, disse.
Embora fale com tranquilidade de suas atividades diárias, Vilma já encarou a morte de perto. Em perseguição a um carro roubado, o ladrão disparou vários tiros em sua direção. Ela pilotava uma motocicleta e quase foi atingida. “O que mais me impressionou foi que ele só tinha 12 anos, uma criança que mal alcançava o pedal para dirigir. Nem consegui pensar direito que podia morrer, fiquei muito comovida com a idade dele”, contou, emocionada.
Outra atividade difícil é o acompanhamento aos moradores de rua e usuários de drogas, principalmente na região da Tamarutaca. Além do programa do governo federal Crack, É Possível Vencer, que capacitou guardas-civis da cidade, há acompanhamento das ações da Secretaria de Saúde. “É difícil, como mulher, você ver muitas meninas grávidas e crianças naquela situação. O mais triste é que, na maioria das vezes, elas não querem receber ajuda.”
Mesmo com todas as dificuldades, Vilma destaca que o principal para a profissão é a coragem. “Você precisa ter coragem para sair de casa e trabalhar todos os dias. O que a gente precisa mesmo é de comprometimento”, disse.
Ela tem dois sobrinhos, um de 23 anos e outro de 26, que cria desde a morte da irmã por aneurisma e considera os seus filhos. Nascida no Parque das Nações, afirma esperar ser exemplo para a família e as colegas no futuro, o que já acontece. “Sinto um orgulho imenso de estar aqui.”
fonte: http://www.dgabc.com.br/Noticia/1591098/gcm-tem-mulher-no-subcomando

CAMPINAS/SP - Guarda Municipal de Campinas inaugura estande de tiros



A Guarda Municipal de Campinas agora conta com um estande de tiros para o treinamento de seus policiais. A inauguração aconteceu na tarde desta segunda-feira, dia 28 de setembro, na Base Rural da GM, no bairro Pedra Branca.


O estande “Luciano Alessandro de Godoi” foi construído com materiais reutilizados, como pneus e contêineres marítimos, e permite que o chumbo das munições deflagradas seja recolhido, minimizando o impacto ambiental.

O objetivo da obra, orçada em R$450 mil, é investir cada vez mais na capacitação dos GMs, tornando os agentes melhor preparados, atualizados e qualificados para exercerem suas atividades em conformidade com a lei, no respeito às pessoas e na preservação da vida.

“Se profissionais de todos os setores precisam estar bem preparados, quanto mais os da área de segurança”, afirmou o prefeito Jonas Donizette. “O uso da arma é o último recurso. Ela só deve ser usada quando todas as alternativas já estiverem se esgotado, por isso esses profissionais precisam estar altamente qualificados”, completou.

Até então, para realizar seus treinamentos, a corporação necessitava se utilizar de estandes de outras instituições, por meio de empréstimo ou até de locação. “Ainda que tenhamos pouca incidência no uso das armas de fogo, se for necessário usá-la, nossos agentes precisam estar muito bem preparados”, disse o secretário Luiz Augusto Baggio.
Durante a cerimônia, a cidade de Holambra recebeu simbolicamente um revólver, representando 15 armas que foram doadas pela GM de Campinas. Esse armamento foi substituído por novo e agora as armas usadas passarão a colaborar com a cidade vizinha.

Homenagens

O novo estande da GM foi batizado com o nome de Luciano Alessandro de Godói, membro da corporação que morreu em serviço, no ano de 2010. Sua esposa e três filhos participaram da solenidade. Para o prefeito, “a homenagem demonstra o reconhecimento a todos aqueles que colocam suas vidas em risco ao exercer sua profissão’”.

Cada boxe de tiro, onde ficam posicionados os atiradores, recebeu o nome de personalidades que contribuíram para a construção do estande e/ou com a corporação. São eles: o advogado José Rocha Soares; o secretário Luiz Augusto Baggio; Carlos Augusto Santoro, Secretário Municipal de Urbanismo; Christiano Biggi Dias, diretor executivo do gabinete do prefeito; Jaeder Machado de Araújo, Silvio César Mello Trindade e Ivan Esteves Ribeiro Filho, da Policia Federal.

A 12ª turma da GM também recebeu uma das placas, já que sete agentes desse setor trabalharam de forma voluntária na construção do estande, realizando tarefas como pintura e serviços de alvenaria.

fonte: http://amigosdaguardacivil.blogspot.com.br/2015/09/guarda-municipal-de-campinas-inaugura.html

SOROCABA/SP - Teatro Educativo da Guarda Municipal abre temporada de 'O Lobo Sonhador II'

Montagem terá apresentações em vários pontos da cidade com a aproximação do Dia das Crianças 

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Sorocaba inicia nesta terça-feira (29) uma série de apresentações da peça teatral "O Lobo Sonhador II", de autoria de Iraci de Oliveira Camargo. O espetáculo gratuito será encenado de hoje a 9 de outubro e de 20 a 29 de outubro no auditório da Escola Municipal "Profª. Inês Rodrigues Cesarotti", no Parque Vitória Régia. Excepcionalmente, nos dias 14 e 15 de outubro, a peça poderá ser conferida no Teatro Municipal, no Parque da Boa Vista.
 
"O Lobo Sonhador II" é uma adaptação um dos maiores sucessos de Iraci de Oliveira Camargo, apresentado pelo grupo no ano de 2006. A história ganhou nova abordagem, incluindo no enredo temas atuais presentes no cotidiano das crianças, tais como dengue, meio ambiente, cidadania, conscientização contra o uso de cerol e higiene, entre outros assuntos, sempre de forma lúdica, esbanjando alegria e descontração.
 
O grupo de teatro infantil da GCM foi criado em 1993, à época formado por seis guardas civis, com o propósito de fortalece o vínculo de confiança entre as crianças e a corporação. Vinte e dois anos depois, seguindo a tradição, ainda hoje o agora chamado Teatro Educativo da GCM continua constituído por integrantes do Grupo de Formação Cidadã (GFC) da Guarda, que realizam também outros tipos de atividades socioeducativas durante o ano, mediante palestras e ações como Teatro de Fantoches, Palhacinhos da Alegria, Cão Terapeuta e Capoeira Cidadã.
 
O elenco de "O Lobo Sonhador II" conta com os GCMs Sérgio Roberto Dias, Lice Maria da Silva, Glaucia Aparecida de Barros, Josiani Castanho Salgado Pires, Joelma Sônia da Silva Oliveira, Paulo Pena e Laerte Silva Serafim, assim como dos recém-chegados à corporação GCMs André Lopes Dias, Eduardo Pereira Ribeiro Coelho e Felipe Orcine Silva que, além de estarem disponíveis à interpretação dos personagens, estarão responsáveis pela sonoplastia, figurino e iluminação. Sérgio e Lice são, aliás, os dois únicos integrantes da formação original do grupo de teatro da GCM. O primeiro, que se declara veterano e tem mais de 27 anos de corporação, não deixa de se emocionar a cada apresentação. Já Lice considera a possibilidade de levar conhecimento às crianças, por meio de brincadeiras, como algo "inexplicavelmente divino, uma felicidade que não pode ser medida em palavras".
 

De acordo com a GCM, mais de 150 mil crianças já foram atendidas pelo Teatro Infantil da corporação, apesar de um intervalo de cinco anos (2008 a 2012) sem a realização de apresentações. Tal serviço, inclusive, está assegurado pela lei 13.022/2014, que em seu artigo 5º prevê, como parte das competências dos guardas civis municipais em Sorocaba, desenvolver ações de prevenção primária à violência, em sintonia com as diretrizes da Secretaria Nacional de Segurança Pública. O comandante-geral da GCM, Benedito da Silva Zanin, fez parte do grupo de teatro infantil no início das atividades e é incentivador da iniciativa. Acredita que esse trabalho proporciona oportunidade sem igual às crianças, contribuindo na formação de novos cidadãos conscientes e comprometidos com a comunidade.
fonte: http://www.diariodesorocaba.com.br/noticia_a/242615

TATUÍ/SP - Guarda Municipal de Tatuí combaterá maus tratos a animais

Homens farão cursos de especialização para nova atribuição

A partir de agora, a Guarda Civil Municipal de Tatuí ganha uma nova missão. O prefeito José Manoel Correa Coelho, Manu, editou na última terça-feira, 22, o Decreto Municipal 16.471 que dá atribuições à corporação de combate aos maus tratos a animais. Fica determinado ao Grupamento da Guarda Civil Ambiental a priorização das ações de prevenção e repressão às práticas de abuso, maus tratos e mutilações em animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. 

A população também terá, em breve, um canal direto para denúncias. Para esse trabalho específico, os homens e mulheres da corporação receberão treinamento e capacitação específica para atuar também no trabalho preventivo, realizando palestras educativas junto à comunidade e às escolas da rede pública e particular. 

A Guarda Civil Municipal conta com um grupamento especializado em defesa do Meio Ambiente, com a atribuição de dar cumprimento à Lei Ambiental Federal, nos crimes previstos no artigo 32 da Lei 9605 de 1998. 

O comando da Guarda e a Advocacia Geral do Município já estão elaborando uma disciplina extra na formação dos integrantes com foco na legislação relativa à proteção animal. Dois cursos de aperfeiçoamento já estão agendados. Em outubro, no Zoológico de Sorocaba, e em novembro, no Instituto Butantã, em São Paulo. O efetivo do canil da Guarda Civil Municipal também terá missão fundamental nesse novo projeto. 

As pessoas que forem flagradas realizando qualquer tipo de maus tratos a animais serão encaminhadas pelos guardas para a autoridade policial competente para a instauração do respectivo inquérito baseado nos crimes tipificados pela lei federal, já que é competência exclusiva da Secretaria da Segurança Pública, do Governo do Estado de São Paulo, instaurar inquéritos policiais decorrentes de infrações à legislação criminal em geral e ambiental em particular.


De acordo com o secretário de Governo, Segurança Pública e Transportes, Onofre Machado da Silva Junior, esse decreto é de extrema importância para o município. Ele lembra que a Prefeitura de Tatuí está empenhada em combater todo tipo de maus tratos aos animais domésticos e silvestres. “Essa medida vem para auxiliar os protetores da nossa cidade, que passam a ter um canal e uma referência na situação de denúncia. Também visa combater o tráfico de animais silvestres. Trata-se de ação complementar e mais um avanço a todo programa de Proteção Animal que vem sendo desenvolvido na cidade, com ações de castração gratuita, feiras de adoção e campanhas de posse responsável, vacinação e revitalização do Canil Municipal”, finaliza. 
fonte: http://www.diariodetatui.com/2015/09/guarda-municipal-de-tatui-combatera.html