AMPARO LEGAL

Amparo legal para este blog: Constituição Federal
Art. 1º. A República Federativa do Brasil, foramada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:
...
Art. 5º. Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
...
VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política...;
...
IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independente de censura ou licença;
Art. 220 - A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo nao sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
§ 2º. - é vetada toda e qualquer censura de natureza política ideológica e artística.
Sem espaço no mídia para divulgar os trabalhos realizados pelas Guardas Municipais do Brasil, este blog é mais uma ferramenta aliada para ampliar as ações cotidianas desta força policial que atua na segurança pública municipal.
GUARDA MUNICIPAL, órgão do poder público, legalmente investido no cargo, capacitados e treinados para cumprir as missões que lhes competem, com atribuição policial, fiscaliza, vigia, guarda, com sua presença (fardada) de caráter preventivo promove ações de segurança pública municipal, investido do poder de polícia da administração pública.

GUARDA MUNICIPAL, JUNTOS SOMOS MAIS QUE VENCEDORES!
GUARDA CIDADÃ - DESDE 1985 -PROTEGE, ORIENTA E AUXILIA -
ATENDE PELO TELEFONE (15) 3262.3244, 3262.1118 e 199 (Defesa Civil) 24 HORAS
Endereço para correspondência: Praça Duque de Caxias, 32 Centro - Cep: 18540000
e-mail: guarda.subinspetor@portofeliz.sp.gov.br
MEU CONTATO É: yvetegon@hotmail.com

Telefones de emergência
100- Violação dos Direitos da Criança e do Adolescente (Nacional)
180- Delegacia Eepecializada do Atendimento à mulher
181- Disque denuncia
190 - Polícia Militar
193 - Bombeiros
194 - Polícia Federal
197 - Polícia Civil
199 - Guarda Civil Municipal e Defesa Civil (Porto Feliz)

A farda não é uma veste que se despe com facilidade ou até com indiferença, mas uma outra pele que adere a própria alma, irreversivelmente para sempre. (desconheço o autor)

Ao homem que teme ao Senhor, ele o instruirá no caminho que deve escolher (Salmos 25/12)

Este blog está no ar desde 27/06/2011
Parou em 20/12/2015 por motivos politicos


Não serão públicados comentários no anonimato em cumprimento ao Art. 5 - IV É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. C.F.





quarta-feira, 13 de novembro de 2013

VARZEA PAULISTA/SP - Guardas municipais treinam com arco e flecha em Várzea Paulista

Treinamento aprimora concentração e raciocínio, diz organizador.

Corporação já promoveu torneio da modalidade.

Guardas treinam com arco e flecha em Várzea Paulista (Foto: Geraldo Jr. / G1)

Quem pratica defende: o arco e flecha é uma modalidade olímpica e estimula a concentração, disciplina e equilíbrio físico e mental. Mas em Várzea Paulista, no interior de São Paulo, o esporte virou caso da Guarda Civil Municipal. Isso porque todo o efetivo da GCM realiza agora treinamentos com o instrumento medieval.
Apesar do estranhamento que a prática possa causar entre os moradores da cidade com quase 110 mil habitantes, segundo o último censo do IBGE, o idealizador dos treinamentos garante que a arma não será usada nas ruas e defende a prática. "O esporte vai aprimorar o raciocínio, a coordenação motora, a visão periférica, além de envolver os guardas em uma atividade saudável", comenta Edson Barcaro, inspetor da Guarda Civil Municipal de Várzea Paulista.
Mulheres também aderiram à prática do esporte
(Foto: Geraldo Jr. / G1)

Os guardas gostaram tanto da ideia que, de treinamentos, a iniciativa evoluiu para um torneio. No dia da entrevista ao G1, o guarda Wesley Franco de Azevedo ainda comemorava o pódio na primeira disputa da guarnição. Há 11 anos trabalhando na função, ele conta que só conhecia arco e flecha de nome. "Tem ajudado muito na minha postura e na minha disciplina. Apesar de ser um esporte bem caro e as competições serem muito distantes, eu pretendo lutar para virar atleta", adianta Azevedo.
A auxiliar de serviços gerais Adriana Lépori, responsável pela limpeza do prédio da guarda, é uma das mulheres que também gostaram do esporte. Ela treina junto com o efetivo da guarda sempre que está de folga. "A gente relaxa, aprende a ter autocontrole. É um momento de lazer e interação com os companheiros de trabalho. Vou levar essa prática pra frente", garante Adriana.
Segundo Edson, o treinamento é opcional e não traz custos para os cofres públicos. "Uma empresa do ramo de esportes tem cedido os equipamentos em forma de empréstimo. E alguns agentes aderiram tanto ao esporte que estão comprando seus próprios aparelhos e personalizando-os", conta.
Aos poucos, outros servidores públicos estão aderindo ao projeto, como agentes de trânsito e profissionais de comunicação.
Corporação já promoveu torneio da modalidade (Foto: Geraldo Jr. / G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário