AMPARO LEGAL

Amparo legal para este blog: Constituição Federal
Art. 1º. A República Federativa do Brasil, foramada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:
...
Art. 5º. Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
...
VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política...;
...
IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independente de censura ou licença;
Art. 220 - A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo nao sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
§ 2º. - é vetada toda e qualquer censura de natureza política ideológica e artística.
Sem espaço no mídia para divulgar os trabalhos realizados pelas Guardas Municipais do Brasil, este blog é mais uma ferramenta aliada para ampliar as ações cotidianas desta força policial que atua na segurança pública municipal.
GUARDA MUNICIPAL, órgão do poder público, legalmente investido no cargo, capacitados e treinados para cumprir as missões que lhes competem, com atribuição policial, fiscaliza, vigia, guarda, com sua presença (fardada) de caráter preventivo promove ações de segurança pública municipal, investido do poder de polícia da administração pública.

GUARDA MUNICIPAL, JUNTOS SOMOS MAIS QUE VENCEDORES!
GUARDA CIDADÃ - DESDE 1985 -PROTEGE, ORIENTA E AUXILIA -
ATENDE PELO TELEFONE (15) 3262.3244, 3262.1118 e 199 (Defesa Civil) 24 HORAS
Endereço para correspondência: Praça Duque de Caxias, 32 Centro - Cep: 18540000
e-mail: guarda.subinspetor@portofeliz.sp.gov.br
MEU CONTATO É: yvetegon@hotmail.com

Telefones de emergência
100- Violação dos Direitos da Criança e do Adolescente (Nacional)
180- Delegacia Eepecializada do Atendimento à mulher
181- Disque denuncia
190 - Polícia Militar
193 - Bombeiros
194 - Polícia Federal
197 - Polícia Civil
199 - Guarda Civil Municipal e Defesa Civil (Porto Feliz)

A farda não é uma veste que se despe com facilidade ou até com indiferença, mas uma outra pele que adere a própria alma, irreversivelmente para sempre. (desconheço o autor)

Ao homem que teme ao Senhor, ele o instruirá no caminho que deve escolher (Salmos 25/12)

Este blog está no ar desde 27/06/2011
Parou em 20/12/2015 por motivos politicos


Não serão públicados comentários no anonimato em cumprimento ao Art. 5 - IV É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. C.F.





sábado, 23 de novembro de 2013

Fiscalização apreende cones e dá advertência a flanelinhas, em Goiânia

Ação aconteceu na região de bares e restaurantes do Setor Marista.
Se insistirem na prática, flanelinhas podem ser multados em R$ 250.



Começou a ser fiscalizada, na noite de sexta-feira (22),  a ação dos chamados flanelinhas que realizam a cobrança indevida de estacionamento nas ruas de Goiânia. Equipes da Secretaria de Fiscalização, da Guarda Municipal e Polícia Militar atuaram em conjunto na região dos bares e restaurantes do Setor Marista. Quem foi flagrado demarcando local na rua teve os cones recolhidos e recebeu uma advertência.
Além disso, os flanelinhas que insistirem na prática podem ser multados em até R$ 250 e, em caso de reincidência, a multa pode ser dobrada. “Tem que se ressaltar que o logradouro público é publico, não pode ser privatizado com a finalidade de ganhar dinheiro, a menos que tenha sido previamente licenciado”, afirma o diretor de Fiscalização da Secretaria Municipal de Fiscalização, Paulo Rezende.
A ação tem como base as irregularidades no ato de privatização do espaço da rua e na exigência que os motoristas paguem os valores determinados pelos flanelinhas. “O crime existe na coação, naquilo que eles loteiam o espaço público e no loteamento desse espaço, coagem a pessoa a pagar, estipulam valor para que se pague”, explica o sargento da Polícia Militar, Antônio Divino Bueno.
De acordo com a prefeitura, a fiscalização da noite de sexta não flagrou muitos flanelinhas devido à divulgação prévia da blitz. Porém, a promessa da Secretaria de Fiscalização é que atuação dos fiscais continue e chegue também a outras regiões da cidade. Para os motoristas, a atitude da prefeitura deveria ter começado antes. “Já deveria existir há mais tempo porque isso aqui vem sendo assm há muito tempo, essa cobrança indevida dos flanelinhas”, acredita a bióloga Maísa Martins Franco.
Fiscalização apreendeu cones de flanelinhas
(Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

A ação dos vigias acontece principalmente na região do Setor Marista, onde encontrar uma vaga para estacionar à noite é muito difícil. O trânsito fica congestionado e os flanelinhas aproveitam para faturar. Eles chegam antes do movimento começar, usam coletes e cones para demarcar as vagas.
Quem não paga o valor estipulado pelo vigias ainda corre risco de ter o carro danificado ou até sofrer agressões.“A gente não paga o estacionamento e, além de ser ameaçado, quando a gente vai sair o pneu tá furado, o carro tá arranhado”, diz o administrador Wagner Rodrigo Martins. A opinião é compartilhada pelo empresário Rodrigo Santana Silveira: “Se falar não é perigoso, se falar sim você está sendo cúmplice da coisa errada”, lamenta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário