AMPARO LEGAL

Amparo legal para este blog: Constituição Federal
Art. 1º. A República Federativa do Brasil, foramada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:
...
Art. 5º. Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;
...
VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política...;
...
IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independente de censura ou licença;
Art. 220 - A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo nao sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
§ 2º. - é vetada toda e qualquer censura de natureza política ideológica e artística.
Sem espaço no mídia para divulgar os trabalhos realizados pelas Guardas Municipais do Brasil, este blog é mais uma ferramenta aliada para ampliar as ações cotidianas desta força policial que atua na segurança pública municipal.
GUARDA MUNICIPAL, órgão do poder público, legalmente investido no cargo, capacitados e treinados para cumprir as missões que lhes competem, com atribuição policial, fiscaliza, vigia, guarda, com sua presença (fardada) de caráter preventivo promove ações de segurança pública municipal, investido do poder de polícia da administração pública.

GUARDA MUNICIPAL, JUNTOS SOMOS MAIS QUE VENCEDORES!
GUARDA CIDADÃ - DESDE 1985 -PROTEGE, ORIENTA E AUXILIA -
ATENDE PELO TELEFONE (15) 3262.3244, 3262.1118 e 199 (Defesa Civil) 24 HORAS
Endereço para correspondência: Praça Duque de Caxias, 32 Centro - Cep: 18540000
e-mail: guarda.subinspetor@portofeliz.sp.gov.br
MEU CONTATO É: yvetegon@hotmail.com

Telefones de emergência
100- Violação dos Direitos da Criança e do Adolescente (Nacional)
180- Delegacia Eepecializada do Atendimento à mulher
181- Disque denuncia
190 - Polícia Militar
193 - Bombeiros
194 - Polícia Federal
197 - Polícia Civil
199 - Guarda Civil Municipal e Defesa Civil (Porto Feliz)

A farda não é uma veste que se despe com facilidade ou até com indiferença, mas uma outra pele que adere a própria alma, irreversivelmente para sempre. (desconheço o autor)

Ao homem que teme ao Senhor, ele o instruirá no caminho que deve escolher (Salmos 25/12)

Este blog está no ar desde 27/06/2011
Parou em 20/12/2015 por motivos politicos


Não serão públicados comentários no anonimato em cumprimento ao Art. 5 - IV É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. C.F.





sábado, 19 de outubro de 2013

JARAGUÁ - Vereador quer guarda municipal armada em Jaraguá


O vereador Jocimar Lima (PSDC), apresentou na sexta-feira (11) ao Prefeito Dieter Janssen a minuta de um projeto que visa a implantação de uma guarda municipal armada em Jaraguá do Sul. Tal serviço, nas palavras de Lima, “daria suporte ao efetivo da Polícia Militar e ajudaria a coibir e diminuir a criminalidade”.

Para detalhar o projeto, Lima viajou e conheceu guardas municipais de outras cidades da região, como Balneário Camboriu, Florianópolis e Blumenau e ficou entusiasmado. “Em dois anos de atuação na Av. Beira Mar, os delitos praticados no local reduziram em mais de 90%. Diminuiu o tráfico de drogas, os assaltos à mão armada e a prostituição”, explicou.

Ao defender na tribuna durante a sessão de quinta-feira, o parlamentar recebeu apoio do presidente do Legislativo, José de Ávila (PSD), que questionou. “Quanto custaria para implantar e como funcionaria esse serviço? Lembro que o ex-prefeito Moacir Bertoldi tentou e confesso que é de grande importância para deixar nossa cidade melhor amparada”.

Para instalar órgão semelhante em Jaraguá do Sul, Lima acredita que seria necessário investimento mínimo de R$ 300 mil. A quantia financiaria a realização de um concurso público para a contratação de 30 agentes civis e a aquisição de equipamentos. “Cada agente custaria cerca de R$ 1.500 para o município. R$ 1.200,00 de salário mais os benefício como o adicional por periculosidade”, informou.

De acordo com o prefeito Dieter Janssen a busca dos vereadores por informações a respeito desse sistema é positiva. Mas, sua implantação ainda precisa de debate. “Acho que os vereadores estão certos em buscar alternativas. Mas, esse é um assunto que precisa ser debatido com as demais secretarias, as entidades dos bairros e a população”, concluiu.

Como funcionaria a Guarda Municipal

O projeto proposto dá à guarda as competências de proteger o patrimônio público, como escolas, unidades de saúde, prédios utilizados por órgãos municipais, ruas, praças entre outros, por meio do patrulhamento ostensivo e preventivo. Ela atuaria em colaboração com os fiscais municipais, com a Defesa Civil e atenderia a população quando necessário. “Quando há brigas de adolescentes em frente às escolas. Essa seria uma ocorrência que poderia ser atendida pela guarda e não pela Polícia Militar, que tem outras obrigações”, defendeu Lima. O efetivo também atuaria como agente de trânsito com a função de educar, orientar, fiscalizar e controlar o tráfego de veículos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário